Trinus 1610
Cláudio Garrudo
Fotografia
60 x 90 cm 
2018
Reservar
Anterior
1 (24)
Seguinte
Cláudio Garrudo
Fotografia
 
Fotógrafo, produtor cultural, editor e pai, actividades a que se dedica de alma e coração. Dizem-lhe que nasceu em Lisboa em 1976, mas não se lembra.
Já expôs individualmente em Portugal, Espanha, República Checa, Eslováquia e Roménia, participou em feiras de arte em Lisboa, Miami, Nova Iorque e Madrid, ganhou o primeiro prémio da VII edição da Bienal de Coruche e editou diversos livros de fotografia. É representado pela Galeria das Salgadeiras em Lisboa, pela Projekteria Art Gallery em Barcelona e artista convidado da H’art Gallery (Bucharest) . Organizador do Bairro das Artes e do Mapa das Artes, membro da direção da associação Isto não é um cachimbo e diretor editorial da Série Ph. da Imprensa Nacional.
O seu trabalho artístico assenta no cruzamento de diferentes territórios como a pintura e a literatura, sendo, neste contexto, de destacar as séries Quintetos com texto de Eduardo Lourenço, Os Senhores do Bairro com Gonçalo M. Tavares e Trindade para a Mensagem de Fernando Pessoa. Do ponto de vista formal há como que um véu diáfano sempre presente nas suas imagens e que é uma marca identitária do seu trabalho.


Exposições individuais
2018. «Trinus». Galeria das Salgadeiras. Lisboa.
2018. «LUZ CEGA». Travessa da Ermida. Lisboa.
2016. «POSTER». Galeria das Salgadeiras.
2015. «Substantivo Feminino», no âmbito da 33ª edição do Festival Outono Fotográfico, com a curadoria de Vítor Nieves. Museu Municipal de Ourense. Galiza. Espanha.
2015. «Vénus». H’art Gallery. Bucareste. Roménia.
2015. «Quintetos — A celebração do incontornável». Galeria Centro das Artes Casa das Mudas. Calheta. Madeira.
2014. «Quintetos». Galeria das Salgadeiras.
2013. «Borderline and the self». H’art Gallery. Bucareste. Roménia.
2013. «Vénus». Galeria Municipal de Montemor-o-Novo.
2012. «Vénus». Galeria das Salgadeiras.
2011. «Um instante decidido», com a curadoria de Ana Matos. Espaço Old Town. Funchal.
2010. «Borderline». Chemistry Gallery. Praga. República Checa.
2010. «Borderline». Galeria das Salgadeiras.
2009. «Un instante decidido», no contexto do Hay Festival Alhambra, com a curadoria de Ana Matos. Biblioteca de Andaluzia. Granada. Espanha.
2008. «Empty beds». Galeria das Salgadeiras.
2007. « 10.37pm». Central European House of Photography. Bratislava. Eslováquia.
2006. «Paralelo, Lado A_Lado B». Galeria Iosephus. Lisboa.


Distinções e Feiras de Arte (selecção)
2018. “Deste lugar que é o silêncio”, Galeria das Salgadeiras. , Just LX Contemporary Art Fair. Lisboa.
2016. Context Art New York, Galería Lucía Mendoza. Nova Iorque. EUA.
2015. Context Art Miami, Galería Lucía Mendoza. Miami. EUA.
2015. 1º lugar. VII Bienal de Coruche. Coruche.
2015. Summa Contemporary art fair, Galería Lucía Mendoza. Madrid. Espanha.
2015. XVIII Bienal Internacional de Cerveira. Vila Nova de Cerveira.
2015. Visionado de Portfolios Descubrimientos PhotoEspaña. Madrid. Espanha.
Relacionados
Cláudio Garrudo
2018
Jaime Vasconcelos
Composição Digital
Cláudio Garrudo
2016
Tiago Casanova
Fotografia